Início » Policiais prendem 3 árabes por ataques a bomba na área de Jerusalém

Policiais prendem 3 árabes por ataques a bomba na área de Jerusalém

0 comentário

A polícia de Jerusalém prendeu na noite de sábado três terroristas árabes que são suspeitos de lançar bombas contra alvos israelenses em dois ataques separados.

Um ataque foi realizado na noite de sábado na área da Tumba de Raquel, no sul da cidade, e o outro na passagem de Qalandiya, no norte da cidade.

No cruzamento de Qalandiya, dois suspeitos chegaram ao cruzamento, colocaram duas cargas explosivas ao lado dele e fugiram. Uma das bombas explodiu perto de um veículo que se dirigia para a travessia de Qalandiya para Jerusalém, sem causar danos ou vítimas.

Uma equipe de policiais de fronteira operando na área iniciou uma busca no lado palestino da passagem e localizou os suspeitos em uma das lojas próximas.

Os dois, menores de Qalandiya, foram presos.

Retornando das prisões, as tropas israelenses encontraram dezenas de rebeldes árabes que atiraram pedras contra eles. As tropas usaram meios de controle de multidão para dispersar as manifestações, e o incidente terminou sem baixas.

Em outro incidente perto da Tumba de Rachel, as forças israelenses identificaram um suspeito que havia colocado um dispositivo explosivo e fugido. O dispositivo não explodiu.

Uma unidade da Polícia de Fronteira que cruzou a cerca de segurança lançou uma caça ao homem e, com base na descrição das roupas, conseguiu localizar o suspeito.

A Polícia de Fronteira está “operando no setor de Jerusalém para fortalecer a dissuasão e impedir o terrorismo, ao mesmo tempo em que aumenta o envio de forças em locais sensíveis onde houve tentativas recentes de ferir civis e forças de segurança”, afirmou.

“As duas atividades bem-sucedidas no fim de semana indicam a determinação dos combatentes em continuar a fazer tudo ao seu alcance para prender os terroristas e levá-los à justiça”, acrescentou a Polícia de Fronteira.

Fonte: Filhos de Deus com base nas informações em God tv

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais informações