Início » Pastor rebate críticas e diz que pediu autorização para cantar em avião

Pastor rebate críticas e diz que pediu autorização para cantar em avião

0 comentário

Um pastor da Filadélfia, Estados Unidos, foi alvo de críticas nas redes sociais depois que um vídeo viralizou com ele cantando em um voo comercial lotado de passageiros.

Na gravação, o pastor Jack Jensz Jr., fundador do ministério Kingdom Realm, aparece cantando o louvor “Quão Grande é o Meu Deus”.

De acordo com o TMZ, muitas críticas se deram pelo fato de que o pastor supostamente teria simplesmente interrompido o silêncio do voo e começado a cantar subitamente, sem autorização.

No entanto, o pastor Jack Jensz Jr. explicou que ele e uma equipe de voluntários estavam vindo de uma ação humanitária na Ucrânia, e que no voo havia muitos refugiados fugindo da guerra em seu país.

“Estávamos em um voo com nossa equipe voltando da ajuda aos refugiados ucranianos na fronteira. Ao longo do último mês temos dado ajuda humanitária, comida e orado com o belo povo da Ucrânia”, disse ele.

Ainda segundo o pastor, antes de cantar ele pediu autorização para a comissária de bordo, explicando sua intenção. Ela teria falado com o piloto da aeronave e toda a equipe responsável pelo voo concordou em deixar o pastor cantar.

“Havia muitos ucranianos neste voo. Ela ficou feliz e disse que seria ótimo! Ela então pediu ao piloto, o piloto e todos os comissários estavam 100% de acordo”, disse o pastor.

O pastor também disse que todos os passageiros foram informados que o pastor cantaria, além de terem sido informados de quem era o pastor.

“Eles até fizeram um anúncio para todos os passageiros, informando quem somos e o que fizemos na Ucrânia e nos apresentaram e permitiram que a gente pegasse o violão! As pessoas então aplaudiram e nos receberam”, disse Jack.

Citando Romanos 1:16 para testemunhar a sua fé, o pastor lembrou seu compromisso com Deus. “Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê”, afirmou Jack.

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Mais informações